sábado, 21 de agosto de 2010

Wepwawet

Paleta de Narmer, com estandartes de Wepwawet sendo levados para o Duat.

Na antiga mitologia egípcia, Wepwawet (Upuaut) era um deus da guerra do Alto Egito, com cabeça de chacal ou lobo, também adorado na cidade grega de Licópolis ("cidade de lobos") . Seu nome significa "o que abre caminhos" e acreditava-se que ele era o responsável por limpar as rotas dos exércitos. Em grego, era Ophois.

Estandarte com chacais
Suas ligações com guerras acabaram associando-o também à morte. Wepwawet tornou-se o responsável por guiar as almas dos mortos atráves do submundo egípcio (Duat) e ajudava a pesar seus corações no julgamento final. Por essa razão, foi confundido com Anúbis na unificação egípcia, mas Wepwawet seria um ajudante desse deus. Algumas lendas colocam Wepwawet como aquele que garantiu que as faculdades mentais dos humanos no pós-vida, ao realizar uma cerimônia de "abertura da boca". Em textos mais recentes, Wepwawet também é confundido com o grande Ra, o que abre os caminhos do céu. Parece que todos os inícios egípcios contavam com a presença desse deus.

Era retratado com um chacal grisalho ou um lobo que acompanhava os faraós como seus guardiãos e protetores de suas conquistas. Por essa razão, estandartes com chacais eram comumente vistos. Raramente em forma humana, tinha cabeça canina e utilizava armamentos de guerra, como uma maça ou um arco, além da coroa uraeus com a serpente real.

2 comentários:

  1. Considero a mitologia egípcia uma das mais complexas, pois quando, por volta de 3200 a.C Menés (ou Narmer) unificou o Alto Egito (região mais pobre) ao Baixo Egito (no delta do Nilo), houve uma grande mistura de divindades algumas aceitas em todo o Império e outras mantendo-se localizadas.
    Nessa postagem o que mais me chamou a atenção foi a Paleta de Narmer (ou Menés? Não se sabe com precisão). É uma placa feita de xisto, que mostra o rei Narmer como o unificador do Egito.
    De um lado, a placa mostra Narmer usando a coroa do alto Egito (coroa branca), do outro lado, ele usa a coroa do baixo Egito (coroa vermelha).
    A parte que está visível nessa postagem mostra o faraó usando a coroa do Baixo Egito, embora a divindade Wepwawet seja atribuída ao Alto Egito.
    Isso me parece confirmar a fusão de várias divindades a partir da unificação do Egito.
    Faz sentido?

    ResponderExcluir
  2. faz sim. tive muita dificuldade de escrever esse post por causa da unificação do Egito. esse deus foi misturado a vários outros. cito Anúbis, mas também ouve ligações com Rá e Osíris. escolhi escrever seus atributos pré-unificação e apenas citar suas mudanças, mas sei q isso me trará problemas no futuro com outras divindades. se eu descobrir alguma forma melhor de escrever sobre Wepwawet, atualizarei e avisarei.

    ResponderExcluir